quinta-feira, 27 de setembro de 2012

“Dia de Cosme e Damião”


A Igreja Católica promulga que esses santos são protetores das crianças, dos gêmeos e padroeiros dos médicos. Tiveram seus nomes incluídos no Cânon da Missa e são invocados como protetores contra as doenças do corpo e da alma. Há uma basílica dedicada a eles, construída a pedido do papa Félix IV, entre 526 e 530. A solenidade de consagração da basílica ocorreu num dia 26 de setembro e assim, Cosme e Damião passaram a ser festejados pela igreja católica nesta data.
A  umbanda e as religiões afro-brasileiras, entre elas: candomblé, batuque, xangô do nordeste e xambá,  celebram essa data no dia 27 de Setembro.  Mas é bom lembrar que nestas religiões não se trata de Cosme e Damião. Através do sincretismo religioso, muito forte no Brasil, as religiões Afro-brasileiras  atribuem  aos Santos Católicos Cosme e Damião os nomes de divindade ibejis – divindade gêmea da vida, protetor dos gêmeos (twins). Ou  orixás-meninos (Ibejis ou Erês) da tradição africana yorubá. Esse fato ocorreu a partir da escravidão no Brasil. Para burlar a vigilância de seus senhores, passaram a associar suas entidades aos santos católicos, é isso o que chamamos de sincretismo.